Bequimão celebra data com solenidade em frente à Prefeitura

A Prefeitura de Bequimão, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, realizou nesta terça-feira (7) a solenidade que marcou as comemorações pela Independência do Brasil. Assim como no ano passado, a cerimônia não contou com o desfile cívico militar para evitar aglomerações. Apenas um pelotão da Guarda Municipal e outro dos Bombeiros Civis se apresentaram ao ato solene.

O ato simbólico, no entanto, manteve parte da tradição, com o hasteamento das bandeiras e execução dos hinos nacional e independência em frente à sede da Prefeitura Municipal. Além disso houve a entrega dos certificados aos vencedores do concurso de redação dos adolescentes Unicef – do coletivo Bora Ver. Receberam certificados Késsila Cunha Pinheiro (3ª colocada), Giovana Góis Almeida (2ª colocada) e Brenda Rafaela Pereira Boaes (1ª colocada).

Participaram da solenidade o vice-prefeito Magal, representando o prefeito João Martins; o presidente da Associação de Pessoas com Deficiência e Patologia de Bequimão, Adriano Garcia, secretários municipais; Professor Zeca (Educação), Sidney Bouéres (Administração e Finanças), Rodrigo Martins (Cultura e Turismo), Ademar Costa (Indústria e Comércio), Otoniel Gusmão (Segurança), Josmael Castro Jr (Assistência Social), Creuber Pereira (Desenvolvimento Rural), Tonho Martins (Infraestrutura) e Fábio Silva (Igualdade Racial); vereadores Irmão Vetinho, Edilson da Vila do Meio, Professor Ivaldo, Carlinhos Severaldo e Vadico Barbosa; além de lideranças políticas, comunitárias e demais servidores.

Prefeito João Martins parabeniza Pinheiro pelos seus 165 anos de história

No dia em que se comemora o aniversário de Pinheiro, o prefeito de Bequimão e presidente do Fórum em Defesa da Baixada Maranhense (FDBM), João Martins, parabeniza o município e a sua população pelos seus 165 anos de história. Cidadão pinheirense, o prefeito de Bequimão destacou a importância da “Princesa da Baixada” para o desenvolvimento da região.

“Hoje é dia de parabenizar a nossa querida ‘Princesa da Baixada’ pelos seus 165 anos de emancipação política. De distrito de Guimarães a município pólo, Pinheiro cresceu e tornou-se símbolo de desenvolvimento para toda a nossa região. Parabéns ao município e aos cidadãos pinheirenses que ajudaram a construir essa linda história”, declara.

O prefeito João Martins é uma destas pessoas. Em 2018, quando esteve à frente do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Maranhão (Sebrae-MA), recebeu o título de cidadão pinheirense como forma de reconhecimento ao trabalho realizado na região no sentido de apoiar e fomentar a economia local, sobretudo o empreendedorismo. A honraria foi concedida pelos vereadores pinheirenses ao atual prefeito de Bequimão, durante sessão solene realizada na Câmara Municipal.

Superintendente do Patrimônio da União visita Bequimão e põe órgão à disposição do município

Bequimão recebeu neste fim de semana a visita do superintendente do Patrimônio da União no Maranhão (SPU-MA), Coronel Monteiro. O militar da reserva do Exército Brasileiro esteve no Cais do Porto, no centro da cidade, e também nos povoados Mojó e Paricatiua, na zona rural. 

Em Mojó, o superintendente foi recepcionado com um café da manhã na casa do Vereador Vadico Barbosa. Já em Paricatiua, ele pôde conhecer um pouco das belezas naturais e potencialidades do município, acompanhado do prefeito João Martins, vereadores e secretários municipais. 

Na oportunidade, Coronel Monteiro colocou a SPU à disposição de Bequimão para ajudar a solucionar as demandas do município junto à União. O Patrimônio Imobiliário da União tem papel essencial na estratégia de desenvolvimento do país na medida em que provê o insumo fundamental – espaço físico – para assentamento das ações e projetos de interesse público.

Bequimãoense que tomou as duas doses da vacina contra a Covid-19 ganha R$10 mil reais na “Dose Premiada”

A bequimãoense Domingas Telma Moraes foi uma das sortudas no sorteio realizado pelo “Dose Premiada”, neste domingo (22). O programa do Governo do Maranhão premia com até R$ 10 mil as pessoas que tomarem a segunda dose da vacina contra a Covid-19 em dia, no Estado. Domingas foi sorteada e embolsou a quantia máxima por cumprir a meta vacinal.

No total, o Governo do Maranhão sorteou 700 prêmios de R$ 1 mil, 200 prêmios de R$ 5 mil e 100 prêmios de R$ 10 mil. Quem toma as duas doses da vacina contra a Covid-19 em dia participa automaticamente do sorteio de prêmios em dinheiro promovido pelo Governo do Estado.

Além de Bequimão, os municípios maranhenses de Vitória do Mearim, Pinheiro, Cajari, Cururupu, Palmeirândia e São João Batista também tiveram sortudos.

Prefeito João Martins anuncia melhorias para a comunidade de Ariquipá

Na última semana, o prefeito João Martins recebeu moradores da comunidade quilombola Ariquipá, na sede da Prefeitura de Bequimão. O principal objetivo do encontro foi reunir as demandas da comunidade e dar uma resposta precisa para cada uma delas. A reunião foi articulada pela Associação de moradores da comunidade e também contou com a participação do secretário municipal de Desenvolvimento Rural, Creuber Pereira, e da coordenadora do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), Cleonilde Pereira, que são lideranças locais.

O encontro segue o modelo de gestão participativa pensado e firmado pelo prefeito junto à população de Bequimão, ainda no período da campanha eleitoral. Na oportunidade, João Martins tratou junto aos moradores de Ariquipá sobre a construção de um posto de saúde na comunidade, a reforma da escola do povoado e conclusão do sistema de abastecimento de água. O prefeito de Bequimão também anunciou melhorias no campo de futebol da localidade.

Em resposta à demanda emergencial dos moradores, o abastecimento de água, o prefeito João Martins informou que o poço da comunidade já foi perfurado. Segundo ele, o próximo passo é viabilizar a caixa d’água e a encanação que vai levar água para a torneira dos moradores.

”Me propus em fazer uma gestão com participação popular. E o nosso encontro com os moradores de Ariquipá reflete bem os passos que a nossa gestão vem dando nesse sentido. Elencamos aqui as principais demandas da comunidade e vamos trabalhar para atender cada uma delas, com medidas assertivas em resposta aos anseios de todos os seus moradores”, afirmou o prefeito de Bequimão.

Prefeitos discutem programa de Desenvolvimento Integrado junto ao Centro Espacial de Alcântara

A convite da Agência Espacial Brasileira – AEB na última quinta-feira (12), o prefeito de Bequimão e presidente do Fórum em Defesa da Baixada Maranhense (FDBM), João Martins – que a pedido da AEB atuou na mobilização das autoridades -, e diversos prefeitos das regiões da baixada e do litoral ocidental maranhense, entre ele o Presidente do Consórcio Conguarás, Dr. Washington Oliveira, participaram de uma importante reunião com representantes da Agência Espacial Brasileira (AEB). Conduziram o encontro o diretor de Governança do Setor Espacial, Cristiano Trein, a coordenadora da Unidade Regional da AEB Maranhão, Thaís Durans Abreu e o diretor do Centro Espacial de Alcântara (CEA), o Coronel Aviador Marcello Corrêa de Souza.

As conversas, segundo a AEB, tiveram o objetivo de apresentar o Programa de Desenvolvimento Integrado para o Centro Espacial de Alcântara (PDI-CEA) para as prefeituras e explicar de que forma elas podem cooperar e se engajar nos trabalhos realizados.

“A reunião serviu para estreitar o relacionamento do PDI-CEA com autoridades políticas dos municípios da Baixada e do Litoral Ocidental através do consórcio Conguarás. Tais municípios se compreendem como o entorno estratégico do Centro Espacial de Alcântara (CEA) e têm o potencial de abrigar parte das infraestruturas que fornecerão insumos e serviços para as atividades de lançamento. Nesse sentido, a reunião cumpriu o objetivo de apresentar aos líderes municipais as necessidades e requisitos que devem ser atendidos para que as empresas do setor espacial se instalem em seus territórios”, destacou a Agência Espacial Brasileira em nota.

O turismo é um dos principais eixos para o desenvolvimento das regiões que fazem parte do entorno de Alcântara. O município deve ganhar um aeroporto e um novo porto, que juntos vão ajudar a impulsionar o setor. A importância de que os municípios da região atualizem seus respectivos planos diretores também recebeu uma atenção especial. O prefeito de Bequimão João Martins avaliou como positiva a reunião e se mostrou bastante otimista com o desenvolvimento regional que se avizinha a partir do Programa de Desenvolvimento Integrado para o Centro Espacial de Alcântara.

“Viemos a Alcântara trazer a nossa contribuição para o Programa de Desenvolvimento Integrado, projeto este que não temos dúvidas de que será muito vantajoso não só para a cidade, mas também para os municípios das regiões da Baixada e Litoral Ocidental, onde destaco o município de Bequimão que está dentro do raio de operações e benefícios trazidos pelo CEA. Um futuro que nos traz, além da perspectiva do desenvolvimento tecnológico, o crescimento social e econômico dessas regiões com a instalação de empresas em nossos territórios e com toda a estrutura que esse projeto grandioso pode nos proporcionar a partir de Alcântara”, declarou o prefeito de Bequimão e presidente do FDBM, João Martins.

Durante o encontro, uma sugestão apontada pelo Prefeito de Bequimão João Martins foi acatada, e ficou definido que haverão outras duas reuniões descentralizadas para discutir o programa de desenvolvimento. Os encontros permitirão a participação, além dos prefeitos municipais, de outras autoridades como vereadores, secretários, lideranças comunitárias e da sociedade civil organizada. As reuniões acontecerão no mês de setembro nas cidades de Pinheiro e Cururupu com data a ser definida pela AEB.

Para o Presidente do Consórcio Intermunicipal Conguarás e Prefeito de Bacuri, Dr. Washington Oliveira, as discussões junto ao CEA e a AEB só irão trazer benefícios para as regiões da baixada e do litoral ocidental maranhense.

“Acredito que essa parceria entre os poderes e a participação dessas duas importantes instituições no debate sobre as potencialidades da nossa região só irá gerar ótimos frutos. Teremos agora talvez a maior oportunidade de promover o desenvolvimento a partir do turismo que essa região já teve” projetou o prefeito.

Participaram do encontro os municípios de: Alcântara, Apicum Açu, Bacuri, Serrano, Cururupu, Porto Rico do Maranhão, Cedral, Guimarães, Bequimão, Bacurituba, Peri Mirim e Pinheiro.

Depois de acordo com comunidades quilombolas MA 211 é desbloqueada

Chegou ao fim a interdição, que já durava três dias, da rodovia MA 211, que dá acesso a ponte sobre rio Pericumã. O governo do estado do Maranhão acionou a prefeitura de Bequimão para auxiliar como mediadora do conflito através de um contato entre o Secretário de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular (SEDIHPOP), Chico Gonçalves, e o Prefeito João Martins.

O chefe do executivo determinou então que uma comissão de secretários municipais, liderada pelo Secretário de Administração e Finanças, Sidney Bouéres e os secretários de Promoção da Igualdade Racial, Fábio Costa, e Participação Popular, Edmilson Pinheiro, fosse até a comunidade do Ramal do Quindíua e buscasse uma alternativa para o desbloqueio da rodovia.

Após estabelecido o diálogo as lideranças do movimento quilombola decidiram pela suspensão da manifestação pacífica que promoviam, depois que receberam da Prefeitura Municipal a garantia que o Governo do Estado enviará, nesta segunda-feira, técnicos do ITERMA e da Secretaria de Estado da Igualdade Racial, para ouvir ou moradores e apurar denúncias de irregularidades fundiárias na compra de imóveis que estão acontecendo na região.

Agentes de Desenvolvimento de Bequimão são capacitados pelo Sebrae em Pinheiro

Dando ênfase ao papel de articulador que tem o Agente de Desenvolvimento no contexto econômico local, o Sebrae realiza durante toda esta semana, em Pinheiro, um curso para capacitar os servidores municipais nomeados para exercer essa função na Sala do Empreendedor de 14 municípios da Baixada Maranhense e Litoral Ocidental.

Até sexta-feira, 13, participam do curso os AD´s dos municípios de Pinheiro, Alcântara, Bacurituba, Bequimão, Cedral, Cururupu, Guimarães, Mirinzal, Pedro do Rosário, Peri Mirim, Santa Helena, Serrano do Maranhão, Turiaçu e Turilândia.

De acordo com a Lei Geral da MPE, o AD tem a função de articular as ações públicas, apoiando na promoção do desenvolvimento local e territorial, mediante ações locais ou comunitárias, individuais ou coletivas. Ele tem um papel fundamental para o desenvolvimento do município junto com todas as ações realizadas na Sala do Empreendedor, que é um espaço voltado para o universo dos negócios e de desburocratização dos processos mercantis. 

“As temáticas da capacitação do Sebrae, que é um dos principais parceiro das prefeituras municipais quando o assunto é desenvolvimento local e Sala do Empreendedor, estão voltadas à Lei Geral da Micro e Pequena Empresa que, desde 2006, vem mudando o ambiente de negócios das cidades brasileiras, tornando-o favorável e menos burocrático para o surgimento e crescimentos dos empreendimentos locais”, coloca a coordenadora de Atendimento do Sebrae Maranhão, Magnólia Ewerton.  

Os ADs atuam sob a supervisão da pasta responsável pelas políticas de desenvolvimento do município, por meio direto do gabinete do prefeito, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico ou de outra a qual a Sala do Empreendedor esteja ligada.  

“Após a capacitação, o AD terá competências estabelecidas, assim como o potencial de aprender e colocar em prática, no seu município, novos conhecimentos, habilidades e atitudes que somarão no desempenho de seu papel de articulador de políticas públicas”, ressalta Fernando Reis, analista técnico do Sebrae na regional de Pinheiro, que responde pelas regiões da Baixada e Litoral Ocidental Maranhense.

Prefeito João Martins participa do lançamento estadual do Selo Unicef 2021-2024

O prefeito João Martins participou nesta quarta-feira (21) do lançamento da edição 2021-2024 do Selo Unicef, no Palácio dos Leões, em São Luís. Também prestigiaram a solenidade o articulador do Selo Unicef, Wanderson Farias, e o secretário municipal de Governo e ex-prefeito de Bequimão, Zé Martins, responsável por coordenar o trabalho que rendeu ao município a certificação na edição 2017-2021.

O ato de lançamento foi uma ação articulada entre o Governo do Estado do Maranhão, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e municípios participantes. Estiveram presentes o governador Flávio Dino; a chefe do Escritório do Unicef no Maranhão, Ofélia Silva; secretários de Estado e prefeitos de outros 55 municípios certificados na última edição.

O grande desafio nesta nova edição do Selo Unicef diz respeito aos impactos da Covid-19 em populações mais vulneráveis. Dados oficiais publicados neste mês pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pela Unicef mostraram que 23 milhões de crianças não receberam as vacinas básicas por meio dos serviços de vacinação de rotina em 2020 – o que corresponde a 3,7 milhões a mais do que em 2019.

Bequimão na corrida pelo Selo Unicef 2021-2024

Bequimão deu o pontapé inicial na corrida pelo Selo Unicef ainda no mês de junho, durante as festividades pelos 86 anos de emancipação política. O município foi o primeiro entre os 217 do Estado do Maranhão a aderir à edição 2021-2024 da iniciativa do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), que visa estimular avanços reais na promoção, realização e garantia dos direitos de crianças e adolescentes em municípios do Semiárido e da Amazônia Legal brasileira.

“Esse trabalho foi conduzido com muita maestria pela gestão do ex-prefeito Zé Martins, numa parceria com as secretarias de Educação, Saúde, Cultura, Igualdade Racial e Assistência Social. E, agora, nós estamos assumindo a responsabilidade de assinar esse termo de adesão e fazer com que Bequimão, mais uma vez, possa ser agraciado com a manutenção desse Selo, para o bem da juventude do nosso município”, destacou o prefeito João Martins, ao assinar o termo de adesão do município de Bequimão ao Selo Unicef.

“A expectativa para essa nova edição é a melhor possível, uma vez que Bequimão adquiriu uma grande experiência na edição passada. Hoje a gente sabe como chegar lá. Já estamos nos preparando com o nosso coletivo de jovens e adolescentes a partir de uma metodologia diferenciada. Esperamos, com isso, conseguir manter o padrão de referência que Bequimão tem não só no Estado do Maranhão, mas também na Amazônia Legal e no Semiárido brasileiro”, declarou Wanderson Farias, articulador do Selo Unicef em Bequimão.

O Selo
O Selo Unicef é uma iniciativa que visa a estimular e a reconhecer avanços reais e positivos na promoção, realização e garantia dos direitos de crianças e adolescentes em municípios do Semiárido e da Amazônia Legal Brasileira. São monitorados indicadores sociais e a implementação de ações que ajudam os municípios a cumprirem a Convenção sobre os Direitos da Criança, que no Brasil é refletida no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). A adesão ao Selo UNICEF é espontânea. A iniciativa contribui para o alcance de oito dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), uma agenda global acordada por todos os Estados-Membros das Nações Unidas até 2030.

O prefeito Zé Martins destacou a importância da premiação e o significado do Selo Unicef. “Essa premiação advém de um trabalho de uma gestão com todas as suas secretarias, com esse objetivo de cuidar das crianças. Esta foi uma das minhas primeiras determinações, como prefeito de Bequimão. Sempre tive olhos voltados para fazer o melhor que a gestão também podia fazer aos jovens. De forma especial, com um olhar bem sensível às comunidades quilombolas. Me causa muita felicidade, muito orgulho. Por isso, fica aqui registrado o meu agradecimento a todos os atores desse processo de transformação social pelo qual passou o nosso município ao longo dos últimos anos”, ressaltou o ex-prefeito e agora secretário municipal de Governo, Zé Martins.

No primeiro ano em que Bequimão participou da mobilização, seis desses indicadores estavam em situação de risco, no vermelho. Depois das ações realizadas na gestão do prefeito Zé Martins, todos estão em situação estável e alguns até já ultrapassaram suas metas. Cresceu o percentual de crianças de até um ano de idade com registro civil, no total de nascidos vivos; caiu a taxa de abandono escolar; se manteve estável o percentual de crianças atendidas pelo Benefício de Prestação Continuada (BPC); foram investigados todos os óbitos de mulheres em idade fértil (de 10 a 49 anos); também foram investigados todos os óbitos infantis ocorridos no município desde 2015. No total, o Selo Unicef Município Aprovado avalia doze indicadores de impacto social, além de resultados sistêmicos.

Membros do Fórum em Defesa da Baixada Maranhão se reúnem com o vice-governador Carlos Brandão

Membros do Fórum em Defesa da Baixada Maranhense (FDBM) se reuniram nesta segunda-feira, 12 de julho, com o vice-governador do Maranhão, Carlos Brandão, e com o secretário-chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares, no Palácio dos Leões, em São Luís. A reunião foi articulada pelo prefeito de Bequimão e presidente FDBM, João Martins, e contou com a participação dos vice-presidentes, Expedito Moraes e Antônio Valente; da presidente de honra, Ana Creusa; e dos forenses Eduardo Castelo Branco, secretário de Agricultura de Anajatuba, e Eliseu Silva, presidente da Associação de Piscicultores de Itans.

O encontro teve como objetivo a elaboração de um Plano de Desenvolvimento para a Baixada Maranhense, com ações que impactem diretamente na elevação dos indicadores sociais da região e, consequentemente, na melhoria da qualidade de vida da população. A estratégia consiste em envolver o Estado, os consórcios de prefeitos, a classe política e as instituições de ensino e qualificação profissional neste mesmo propósito.

Entre as principais demandas apresentadas pelos membros do Fórum estão a conclusão da Barragem de Maria Rita; barragens de enseadas; Barragem do Rio Maracu; manutenção da Estrada do Peixe; linhas de crédito a pequenos e médios empreendedores; construção dos Diques da Baixada; acesso ao processo licitatório do Ferry Boat; entre outras ações.

O vice-governador destacou o potencial econômico da Baixada, especialmente no setor de produção de alimentos e outros projetos de desenvolvimento que beneficiarão a população da região. Já o secretário-chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares, sugeriu a implantação da Agência de Desenvolvimento da Baixada, bem como viabilização de parcerias entre os municípios da região e a Universidade Estadual (UEMA) e o Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA).

O prefeito de Bequimão e presidente do FDBM, João Martins, reforçou a necessidade de ampliar os esforços do Estado e dos gestores no sentido de potencializar os investimentos em produção agrícola e turismo regional. Destacou também a carência de tecnologias e incentivo aos pequenos e médios empreendedores ainda existentes na região.

Nos próximos dias, a diretoria do Fórum em Defesa da Baixada Maranhense definirá uma nova agenda de compromissos para o mês de agosto. Serão contemplados com as visitas em prol da construção de novas parcerias instituições como a Universidade Estadual do Maranhão e a Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Reuniões com consórcios de prefeitos e locais da região onde deverão ocorrer algumas obras também devem ser priorizados na agenda do próximo mês.