Igualdade

Bequimão pode receber “Selo Unicef Município Aprovado” nesta terça

Cerimônia de certificação será transmitida ao vivo pelo Unicef Brasil, no Youtube, a partir das 9h45.

Bequimão deve ser um dos próximos municípios do Semiárido e da Amazônia Legal Brasileira a receber do Fundo das Nações Unidas para a Infância o “Selo Unicef Município Aprovado”. A cerimônia de certificação está marcada para terça-feira (8) e será transmitida ao vivo pelo canal do Unicef Brasil, no Youtube, a partir das 9h45. Para não perder nenhum detalhe do evento de divulgação dos resultados alcançados e da lista de municípios que receberão o Selo UNICEF 2017-2020, basta se inscrever no canal do Unicef Brasil.

O “Selo UNICEF Município Aprovado” é uma iniciativa que visa a estimular e a reconhecer avanços reais e positivos na promoção, realização e garantia dos direitos de crianças e adolescentes em municípios do Semiárido e da Amazônia Legal Brasileira. São monitorados indicadores sociais e a implementação de ações que ajudam os municípios a cumprirem a Convenção sobre os Direitos da Criança, que no Brasil é refletida no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). A adesão ao Selo UNICEF é espontânea. A iniciativa contribui para o alcance de oito dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), uma agenda global acordada por todos os Estados-Membros das Nações Unidas até 2030.

No primeiro ano em que Bequimão participou da mobilização, seis desses indicadores estavam em situação de risco, no vermelho. Depois das ações realizadas na gestão do prefeito Zé Martins, todos estão em situação estável e alguns até já ultrapassaram suas metas. Cresceu o percentual de crianças de até um ano de idade com registro civil, no total de nascidos vivos; caiu a taxa de abandono escolar; se manteve estável o percentual de crianças atendidas pelo Benefício de Prestação Continuada (BPC); foram investigados todos os óbitos de mulheres em idade fértil (de 10 a 49 anos); também foram investigados todos os óbitos infantis ocorridos no município desde 2015. No total, o Selo Unicef Município Aprovado avalia doze indicadores de impacto social, além de resultados sistêmicos.

Wanderson Farias, articulador municipal do Selo Unicef, está bastante otimista, porque Bequimão preencheu todos os requisitos da premiação. O município esteve, inclusive, entre os três dos 217 do Maranhão a concluir o #DesafioNucaJuva dentro do prazo e avançar rumo à certificação. “A expectativa é a melhor possível. Temos muita esperança, o que nos dá a certeza de que Bequimão será certificado no dia 8, na cerimônia de premiação. Bequimão foi um dos primeiros municípios a cumprir todas as tarefas, todas as atividades, todos os desafios do Selo Unicef, edição 2017-2020. Nós conseguimos atingir todas as metas. Em algumas, a gente ultrapassou”, revelou Wanderson Farias.

Segundo o articulador, um dos maiores desafios de Bequimão, sem dúvidas, foi a Busca Ativa Escolar, atividade que impactou significativamente na queda da taxa de abandono escolar. Esse é um dos doze indicadores de impacto social analisados para a certificação. “Um dos maiores desafios de Bequimão era esse: rematricular, pelo menos, 33 alunos nas escolas do município. Nós conseguimos rematricular 46 alunos. E tantos e tantos outros desafios que a gente superou, assim como os resultados de impacto social, nos quais Bequimão conseguiu atingir e até superar metas. Melhorou muito. Alguns ainda falta atingir 100% de melhoramento, falta. Mas a gente conseguiu avançar em relação a edição 2013-2016”, explicou Wanderson Farias.

As conquistas conferiram ao município posição de destaque na corrida pelo “Selo Unicef Município Aprovado”. O articulador relata que o próprio Unicef tem curiosidade em saber qual a fórmula utilizada por Bequimão para avançar tanto na melhoria dos indicadores sociais. E ele revela: “Bequimão será destaque na premiação, porque conseguiu, de forma extraordinária, apresentar resultados a curto prazo. Até o próprio Unicef tem curiosidade em saber como o município conseguiu esse feito. Foi um trabalho árduo, colaborativo e solidário de todas as secretarias que, de uma forma direta e indireta, contribuíram para que Bequimão atingisse esse patamar que hoje está. Essa é uma conquista do município, das crianças, dos adolescentes, de cada secretário, de cada coordenador, de cada servidor, de cada integrante do Núcleo de Cidadania e do nosso prefeito Zé Martins. É uma conquista de cada um deles”, acrescentou Wanderson Farias.

O articulador do Selo Unicef em Bequimão destacou, ainda, todo o empenho do Núcleo de Cidadania de Adolescentes e Juventude Unida pela Vida na Amazônia (JUVA), na busca pelos resultados que elevaram os indicadores sociais do município. “O Núcleo de Cidadania de Adolescentes foi o grande diferencial nesta edição do Selo Unicef. Sozinha, a nossa juventude conseguiu mais de 1.000 pontos da quantidade necessária para atingir a certificação. Se tornou o Núcleo de Cidadania de Adolescentes com maior repercussão nacional, maior engajamento e maior mobilização social. Então, a sensação é de dever cumprido. Bequimão está de parabéns. A população está de parabéns. E as nossas crianças e adolescentes podem ter mais esperança, a partir dessa certificação, de que o futuro será melhor, porque está sendo investido no desenvolvimento integral de cada um deles”, concluiu Wanderson Farias.