Igualdade

Gestão Zé Martins incentiva esporte com Copa Quilombola

Na primeira edição, 11 comunidades remanescentes participaram do campeonato de futebol.

Competição, união e espírito esportivo são palavras de ordem para quem é apaixonado por futebol. Nas comunidades quilombolas não é diferente. Pensando nisso, o prefeito Zé Martins firmou parceria com o Governo do Estado e com o Instituto Solis para a realização da Copa Quilombola de Futebol Troféu Negro Cosme, que tem o objetivo de promover a integração entre as comunidades quilombolas do Maranhão. 

A primeira fase da Copa acontece no próprio município com os times das comunidades quilombolas de Bequimão. Para preparar as pessoas que atuariam como juízes e bandeirinhas, a Prefeitura realizou, em parceria com as secretarias estaduais de Esportes e de Igualdade Racial, o Curso de Formação de Árbitros, ministrado na época pelo então presidente da Associação de Árbitros do Maranhão, Josivan Ribeiro Pereira.

Com os árbitros formados, foi o momento de iniciar o campeonato. Na primeira edição, 11 comunidades quilombolas participaram da copa. Na etapa realizada em Bequimão, a equipe vencedora foi da Comunidade Quilombola Conceição, que depois representou o município na fase que aconteceu em São Luís. Pela primeira vez, um time da zona rural representou Bequimão em competição de futebol de nível estadual. Além da premiação, cada time recebeu uma equipagem completa. 

 “A realização dessa Copa Quilombola é feita na perspectiva de valorizar e integrar o povo negro das comunidades nos diversos municípios que sediarão o torneio. O esporte aproxima as pessoas, resgata valores, fortalece vínculos e eleva a autoestima de qualquer povo”, destacou o prefeito Zé Martins.

A II Copa Quilombola aconteceu em 2019. Nesta edição, o campeão da etapa municipal foi o time de Ramal de Quindiua, que representou o município de Bequimão na etapa estadual, em São Luís.