Ir para conteúdo

João Martins já tem foto e número registrados nas urnas

 

 

O candidato a prefeito de Bequimão, João Martins, segue com todos os atos de campanha, de acordo com o que prevê a legislação eleitoral. A população pode votar sem medo no candidato, que tem Magal como vice da chapa. No dia 15 de novembro, os eleitores que optarem por digitar o número 15 vão constatar a legalidade da candidatura, ao se depararem com a foto de João Martins na urna eletrônica.

A oposição, por desespero com os resultados das pesquisas de intenção de voto, tentou plantar mais uma mentira, na maior campanha de propagação de fake news da história do município.

Para dirimir quaisquer dúvidas em torno do assunto, o advogado da Coligação “Juntos por Bequimão”, Abdon Marinho, gravou um vídeo direcionado à população de Bequimão. Ele esclareceu, de uma vez por todas, a situação da candidatura de João Martins.

— Olá, amigos! Eu sou Abdon Marinho e estou aqui para falar do caso de Bequimão. Muita gente tem me perguntado qual é a situação de João Martins. O nome dele está na urna eleitoral e você pode votar com tranquilidade em João Martins. Nós já recorremos ao TRE [Tribunal Regional Eleitoral] e estamos confiantes, temos plena certeza de que o tribunal vai rever a decisão do juiz de primeiro grau — afirmou Abdon Marinho, durante o vídeo.

O advogado revela que a mesma manobra foi tramada contra o atual prefeito de Bequimão, Zé Martins, quando o gestor concorreu pela primeira vez às eleições, no município. Na época, a justiça de primeiro grau, sediada em Pinheiro, decidiu que José Antônio Martins não era filho biológico ou afetivo de Juca Martins.

— Por que nós temos essa certeza? Porque, em 2008, o tribunal já se deparou com essa mesma situação. A oposição alegou que José Martins, o atual prefeito, seria filho biológico afetivo de Juca Martins, que era prefeito na época. A juíza de primeiro grau, que, na época funcionava em Pinheiro, decidiu que estava provado que aquilo não era verdade, aquilo que foi levantado pela oposição, e o tribunal confirmou por unânimidade. Esse é o primeiro ponto — explicou Abdon Marinho.

A decisão da justiça criou jurisprudência sobre o assunto. Ou seja, a justiça teria que desfazer uma decisão que já tomou no passado. E o próprio tribunal já dá sinais de que isso não vai acontecer, uma vez que já há precedentes de decisões favoráveis a candidatos com a mesma situação de João Martins.

— O tribunal teria que desfazer uma decisão que já tomou em relação ao mesmo caso. O segundo ponto é que o tribunal, em sessão bem recente já dessas eleições, decidiu o caso de Satubinha, que é uma situação até mais, poderia dizer mais grave que a de João Martins, e decidiu pelo deferimento do registro daqueles candidatos. Então, já tem um precedente desta eleição, uma situação até mais grave. e tem um outro precedente em 2008 — argumenta Abdon Marinho.

Depois de todos esses esclarecimentos, se ainda restar alguma dúvida sobre a possibilidade que João Martins tem de concorrer ao cargo de prefeito de Bequimão, é muito simples: basta você, eleitor, digitar o 15, visualizar a foto do seu candidato na urna eletrônica e confirmar o melhor para Bequimão.

— Então, meus amigos, o que nós temos que fazer é continuar mantendo a nossa campanha. Fazer com que ela cresça cada vez mais, transformando essa grande vantagem, que já passa dos 50%, passe pra 60%, pra 70% e quem sabe pra 80%. Nos vamos derrotar os nossos adversários no voto. E pode ter certeza que a justiça eleitoral vai fazer a sua parte, mantendo o registro de João Martins deferido. Muito obrigado a todos — afirmou Abdon Marinho, advogado da Coligação “Juntos Por Bequimão”.

Manobra cai por terra


A manobra da oposição não deu certo. Desde que a fake news começou a ser disseminada, a própria população se encarregou de dar o troco às alas oposicionistas. A candidatura do emedebista recebeu ainda mais manifestações e declarações de apoio, o que fortalece sua trajetória rumo à Prefeitura de Bequimão. São exemplos disso as inúmeras mobilizações populares em apoio à candidatura de João Martins para prefeito do município.

As ruas passaram a ser tomadas por um mar de gente, que quer o melhor para Bequimão e acredita que João Martins é a opção mais adequada para desenvolver esse trabalho no município. Crença que se deve à capacidade técnica adquirida pelo candidato em instituições de grande importância para o desenvolvimento do estado do Maranhão e do Brasil, como a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf) e o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Maranhão (Sebrae-MA) . Toda essa experiência de trabalho faz de João Martins o candidato mais preparado para assumir a administração do município de Bequimão.

Não caia no conto dos vigários. Se João Martins não estivesse apto a concorrer nas eleições municipais de 2020, a Legislação Eleitoral jamais permitiria que seu número, nome e foto aparecessem nas urnas do município de Bequimão. Agora uma coisa é certa: se no processo eleitoral, as alas oposicionistas já começam mentindo, imagina só o que não são capazes de fazer com a sua confiança se conseguirem alcançar o que almejam: o Poder.

Categorias

Eleições

Um comentário em “João Martins já tem foto e número registrados nas urnas Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s